(19) 3814-3400 (Recepção)
(19) 3814-3400 (Recepção)

Conheça a Tomografia de Coerência Óptica (OCT)

A Tomografia de Coerência Óptica é um exame de diagnóstico por imagem de alta resolução, que utiliza o princípio de interferometria de baixa coerência e por meio de cortes na estrutura ocular permite a observação tecidual de maneira não invasiva.


É um exame capaz de ver detalhadamente a retina e nervo óptico. E no Hospital 22 de Outubro temos dois tipos desse exame, que vamos te explicar agora:

 
Tomografia de Coerência Óptica para Segmento Anterior

 

Realiza o estudo do segmento anterior ocular, como a córnea, a íris, o ângulo, o cristalino e o flap por meio de imagens tomográficas.


Procedimento: O paciente deve retirar a lente de contato, caso utilize. É feita a dilatação da pupila com o uso de colírios e o paciente é posicionado sentado em frente ao aparelho. Então, o aparelho emite um feixe de luz com intensidade próxima ao infravermelho (não causa desconforto), que capta as imagens em corte das estruturas oculares. O tempo para a realização de todo o exame nos dois olhos é de aproximadamente 15 minutos. O paciente deve ficar o mais tranquilo e imóvel possível durante sua realização para que a obtenção de imagens seja excelente. Esse exame é indicado aos pacientes que necessitam de avaliação de doenças da córnea, da íris, dos traumas oculares, das medidas de flap e do cálculo do posicionamento de lentes intraoculares.

 

Tomografia de Coerência Óptica para Retina e Nervo Óptico

Analisa detalhes anatômicos da retina e do nervo óptico, sendo capaz de diagnosticar com alta precisão doenças de retina, do vítreo e do nervo óptico. É possível obter medidas precisas da espessura da retina e diagnosticar doenças que não são visíveis em outros exames, como doenças degenerativas da mácula. É uma excelente alternativa a pacientes que não podem se submeter a exames com uso de contraste endovenoso.

Procedimento: O paciente deve retirar a lente de contato, caso utilize. É feita a dilatação da pupila com o uso de colírios e o paciente é posicionado sentado em frente ao aparelho. Então, o aparelho emite um feixe de luz com intensidade próxima ao infravermelho (não causa desconforto), que capta as imagens em corte das estruturas oculares. O tempo para a realização de todo o exame nos dois olhos é de aproximadamente 15 minutos. O paciente deve ficar o mais tranquilo e imóvel possível durante sua realização para que a obtenção de imagens seja excelente. Esse exame é indicado para diagnóstico e acompanhamento da degeneração macular relacionada a idade (DMRI), coriorretinopatia serosa central, buraco macular, edema macular, membrana epirretiniana, uveítes e tração vítreo-macular e retinopatia diabética e análise de progressão do glaucoma e auxiliar no diagnóstico precoce da doença.

Para maiores informações sobre esse e outros exames da oftalmologia entre em contato conosco pelo telefone: (19) 3814.3404 ou WhatsApp (19) 9 9975.0603